sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Dois parágrafos de desenvolvimento

Continuo com a redação da minha ex-aluna. O foco agora são os parágrafos de desenvolvimento. A introdução, que já analisada por aqui, foi inserida para facilitar a compreensão do texto.

Tema: Por que o brasileiro não consegue realizar na prática as ideias que lhe parecem adequadas ao desenvolvimento do país?

Boas ideias não são suficientes
Em uma visão panorâmica de nossos últimos candidatos a cargos públicos, tem-se a impressão de que a preocupação de muitos está mais direcionada à apresentação de suas ideias do que a sua real efetivação. Logo se vê que o ditado popular “A propaganda é a alma do negócio” é levado bem a sério por tais brasileiros. Talvez o que lhes falte é uma análise profunda dos problemas enfrentados pelo país, para que depois sejam apresentadas propostas e ideias que realmente venham trazer soluções na prática.
Essa preocupação em apresentar suas ideais, é uma luta desesperada para se chegar onde quer. A intenção é de agradar ao público, e em suas palavras e promessas não há a real preocupação se serão cumpridas ou não. Os problemas existentes não são analisados a fundo antes de se propor tais ideias. São dadas, no papel, soluções de problemas vividos no dia a dia dos brasileiros, que  na realidade tais soluções não podem ser cumpridas, pois esbarrão em leis já existentes que as proíbem de serem realizadas.
Além disso, temos visto em eleições passadas, por diversas vezes, outra situação se repetir. Pessoas que talvez, estivessem cheias de boas intenções e ideias que lhes pareciam bem adequadas para melhorar a vida do cidadão brasileiro, mas quando chega na prática, vê que não é tão simples assim. Suas ideias são muito boas no papel, mas á uma dificuldade para cumpri-las, pois não depende só dessas pessoas para que suas ideias tenham um bom desenvolvimento quando colocadas em pratica.

Comentários
Projeto de texto:
Introdução
Boas ideias não são praticadas porque os interessados em representar a nação não analisam os problemas com profundidade, preocupam-se mais em apresentar propostas.
Desenvolvimento
D1 à Estudos aprofundados sobre os problemas nacionais não acontecem porque alguns governantes não têm a real intenção de resolvê-los. Desejam apenas ganhar as eleições.
D2 à Em alguns casos, há governantes com real intenção de mudanças, mas que não conseguem efetivar suas ideias por se depararem com dificuldades inerentes ao próprio sistema.
São essas as duas causas de o brasileiro não pôr em prática ideias favoráveis ao desenvolvimento do país. Cada causa foi apresentada em um parágrafo, garantindo a organização das ideias.
A forma
Assim como na introdução, o desenvolvimento apresenta um bom conteúdo, mas alguns problemas em relação à forma. Segue a correção enviada à autora:
Essa preocupação em apresentar suas ideais, é uma luta desesperada de alguns políticos para se chegar aonde quer. A intenção é de agradar ao público, e em suas palavras e promessas não há a real preocupação de tornar tais projetos reais. se serão cumpridas ou não. Os problemas existentes não são analisados a fundo antes de se proporem tais ideias. São dadas, no papel, soluções de para problemas vividos no dia a dia dos brasileiros, que porém, na realidade, sabe-se que  tais soluções não podem ser cumpridas, pois esbarrão esbarram em leis já existentes que as proíbem de serem realizadas.
Além disso, temos visto já se viu em eleições passadas, por diversas vezes, outra situação se repetir. Pessoas que, talvez, estivessem cheias de boas intenções e ideias que lhes pareciam bem adequadas para melhorar a vida do cidadão brasileiro, mas que não conseguiram pôr em prática suas propostas, porque se depararam com dificuldades do próprio sistema. quando chega na prática, vê que não é tão simples assim. Suas ideias são eram muito boas no papel, mas á uma grande dificuldade para cumpri-las, pois não depende só dessas pessoas para que suas ideias tenham um bom desenvolvimento quando colocadas em pratica. (Esse argumento final está sendo dito pela segunda vez nesse parágrafo, apenas com palavras diferentes. Por isso, sugeri a retirada do trecho). Um exemplo ao final desse parágrafo tornaria a argumentação ainda mais forte.




Desenvolvimento analisado!
 Na próxima postagem, publicarei a conclusão dessa dissertação e os comentários gerais sobre o texto.
Até a próxima!